Posted in Sem categoria

Refauna e sua importância para a biodiversidade da Floresta!

O Rio de Janeiro é famoso por suas belezas naturais e, no coração da cidade, encontramos uma das maiores florestas em área urbana do mundo! Com o dia-a-dia corrido do carioca, locais como o Parque Nacional da Tijuca nos permitem fugir da selva de concreto para uma verdadeira imersão na natureza. Porém, este paraíso verde já não está exatamente como era antes. 

Após anos de exploração, alguns animais foram extintos e a floresta, aos poucos, foi perdendo suas interações ecológicas. Essas atividades, que são a forma como um organismo interage com o outro na natureza, são de extrema importância para a floresta pois são o que garante, por exemplo, a dispersão de sementes pelos animais, mantendo a floresta viva.

Para ajudar na restauração deste fragmento de Mata Atlântica, o projeto Refauna é uma parceria de diversas instituições para reintroduzir importantes espécies na natureza, sendo assim um forte aliado na conservação da biodiversidade. Fique com a gente que iremos te contar mais nesse post!

Uma ferramenta importante para conservação da biodiversidade

Atividades como a caça de animais silvestres, o desmatamento da floresta, assim como a introdução de espécies exóticas, eram frequentes problemas enfrentados antes da criação do Parque Nacional, em 1961. Devido a essas práticas, algumas espécies nativas foram historicamente extintas da floresta, ocasionando o empobrecimento da biodiversidade do local. 

O que à primeira vista podia parecer um ambiente rico e cheio de vida, era na verdade um local com processos ecológicos deficientes, que estava perdendo aos poucos sua diversidade natural. Por isso, surgem os projetos de reintrodução de espécies nativas, que são definitivos para a restauração do equilíbrio de importantes ecossistemas.

Floresta de volta à vida

Tendo início em 2010, o projeto Refauna já reintroduziu diversas espécies no Parque Nacional da Tijuca (PNT), Setor Floresta, como cutias (Dasyprocta leporina) em 2010, bugios (Alouatta guariba), em 2015, e jabutis tinga (Chelonoidis denticulatus) em 2018. Seu objetivo é engajar pesquisadores para a reintrodução de espécies nativas, restaurando a fauna e as interações ecológicas necessárias para manutenção desse ecossistema. Assim, de pouco a pouco, conseguimos trazer a floresta de volta à vida! 

Mas, não é apenas no Parque Nacional da Tijuca que o projeto atua. Outra atividade bem sucedida do Refauna em parceria com um parque do Grupo Cataratas, o BioParque do Rio, é a reintrodução de antas (Tapirus Terrestris) na natureza. A espécie é considerada extinta no Rio de Janeiro há mais de 100 anos e, em 2019, o projeto levou o casal de antas Jorge e Magali, que nasceram no BioParque, para a Reserva Ecológica de Guapiaçu, em Cachoeiras de Macacu!

Essas iniciativas são muito importantes para nós de Paineiras-Corcovado. Como parte do Grupo Cataratas, buscamos sempre deixar um impacto positivo como legado. Com a ajuda do Instituto Conhecer para Conservar, além de outros parceiros, conseguimos desenvolver projetos como o Refauna e trazer, cada vez mais, a biodiversidade da floresta de volta ao que ela era!

União de forças que gera mobilização

Se dizem que a união faz a força, o Refauna é um grande exemplo desse poder transformador que nós temos quando nos juntamos. Amplamente apoiado por Paineiras-Corcovado e pelo BioParque do Rio, parques do Grupo Cataratas, o projeto é uma colaboração de diversas pessoas e instituições.

Entre eles, estão os pesquisadores do Laboratório de Ecologia e Conservação de Populações da UFRJ, do Laboratório de Ecologia e Conservação de Florestas da UFRRJ, do Laboratório de Ecologia e Manejo de Animais Silvestres do IFRJ, do Parque Nacional da Tijuca (ICMBio), da FIOCRUZ e do Centro de Primatologia (INEA). Atualmente, é financiado pela Fundação Grupo O Boticário de Conservação da Natureza, CNPq, Faperj e Grupo Cataratas, através do Instituto Conhecer para Conservar.

Contato com a biodiversidade

Gostou de conhecer essa história de sucesso? Aqui em Paineiras-Corcovado nós estamos sempre em contato direto com a natureza e com outras histórias incríveis sobre como podemos ajudar a conservar o nosso meio ambiente. Que tal presenciar essa riqueza natural com os próprios olhos? Acesse o link e saiba mais em nosso site!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Comentários

    

talvez você também curta:

A Paineiras Corcovado é responsável pelo transporte de vans oficiais para o Cristo Redentor e pelo Centro de Visitantes Paineiras, localizado no Parque Nacional da Tijuca. Compre seu ingresso aqui para visitar uma das 7 Maravilhas do Mundo!

receba novidades em primeira mão!